Prostodontia

É a área da Medicina Dentária que se ocupa da restauração e manutenção da função oral pela substituição de dentes perdidos e estruturas por aparelhos ou próteses. Os dentes de substituição podem ser fixos / removíveis consoante a situação clínica e a vontade do paciente. Atualmente os sistemas de próteses mais modernos utilizam tecnologia de ponta, através de sistemas totalmente cerâmicos, extremamente resistentes e com uma estética quase perfeita.

Se um dente estiver muito partido ou lhe faltarem vários dentes podemos fazer próteses removíveis, facetas, coroas ou pontes devolvendo a estética e a força do seu sorriso.

Próteses removíveis e fixas: Devido a fatores vários, por vezes a falta de dentes não pode ser corrigida com implantes ou próteses fixas. Embora não tão confortáveis, as próteses removíveis conseguem restaurar as funções dentárias de forma bastante aceitável. Além disso, os dentes artificiais são esteticamente muito parecidos com os saudáveis.

Quando não existe estrutura dentária suficiente para as indicações da resina de aplicação direta, podem ser feitas em laboratório restaurações em cerâmica que serão cimentadas ao dente.

Facetas em cerâmica: As facetas em cerâmica são um método para corrigir esteticamente dentes anteriores, seja por pigmentação permanente severa, má proporção ou espaço entre os dentes. É removida uma camada da face do dente, que será substituída pela faceta em cerâmica. Os materiais que unem a faceta ao dente são fiáveis e a cerâmica resistente e estética.

Coroas em cerâmica: Por vezes a estrutura dentária perdida é tão extensa que é aconselhável substituir toda a coroa do dente por uma artificial, conseguindo manter a estrutura sã e sólida do dente.

Pontes: Quando faltam dentes, os dentes adjacentes podem ser preparados para suportar uma prótese fixa.